O sacrifício de Maria

Tania Rubim

O sacrifício de Maria

“Então Maria, tomando um arrátel de ungüento de nardo puro, de muito preço, ungiu os pés de Jesus, e enxugou-lhe os pés com os seus cabelos; e encheu-se a casa do cheiro do ungüento.” João 12.3

Ao ler esta passagem vemos que Maria teve um gesto de amor e agradecimento para com o Senhor Jesus ao derramar perfume em seus pés. Embora pareça uma atitude simples, veja que o perfume era raro e equivalia ao salario de um ano de trabalho. Vemos então que muito mais que uma atitude gentil o que Maria fez foi um verdadeiro sacrifício.

Naquela época as moças solteiras costumavam guardar suas economias para o dia da sua boda. Com esse gesto ela entregou o seu futuro e os seus sonhos nas mãos do Senhor Jesus. Sua fé a conduziu ao sacrifício entregando tudo ao Senhor e ficando na Sua dependência.

Para a época não se via com bons olhos uma moça solteira tocar os pés de um homem. Mas Maria sabia que o Messias não era um homem qualquer.

Sem se importar com julgamentos ou o que os demais pudessem pensar ou dizer a seu respeito, ela se ajoelhou e ungiu os pés de Jesus. Ali ela materializou a sua fé e mostrou que Ele era o primeiro e mais importante em sua vida.

Ela estava diante do Altar e não iria perder a oportunidade de se lançar.

Quantas pessoas têm medo de dar um passo de fé, sempre preocupados com a opinião alheia, dando ouvidos a palavras negativas e sentimentos de duvida e derrota. Quando fazemos o que é correto e somos impulsionadas pela fé, temos a certeza de que o resultado virá em forma de bênçãos.

É IMPOSSIVEL nos lançarmos no Altar com fé e as duvidas permanecerem em nosso interior.

Maria é um grande exemplo para todas nós, não me canso de escrever sobre ela, pois sempre que leio a seu respeito, Deus me revela algo novo.

Talvez as pessoas vejam o que você faz para Deus como algo sem importância alguma, Judas Iscariotes também viu assim a atitude de Maria, mas ela sabia que estava agradando ao seu Senhor e seu gesto por Ele foi aceite. Sem ter o conhecimento de que Sua morte estava perto, ela estava preparando o senhor Jesus para a sepultura, (leia João 12.3-7).

Maria saiu dali justificada e todas que dependem do Altar também serão justificadas por ele.

Você crê?

 

 

Autora do livro "Escolhida para o Altar". Faço a obra de Deus no Altar por 20 anos, espero através do blog ajudá-las, dividindo com vocês experiências e aprendizados.


Comments (4)
Leave a reply

Name (required)

Website