Minha historia 7: “A perseguição”

Tania Rubim

Minha historia 7: “A perseguição”

Quando nossos familiares tomaram conhecimento de que estávamos indo na Universal, uma grande perseguição se levantou contra nós.

Lembro-me bem de meus tios, irmãos de minha mãe, irem lá em casa e falarem muitas coisas para que ela desistisse de ir na igreja.

Como pertencentes a uma família muito religiosa e cheia de tradições, para eles era uma falta de respeito alguém rejeitar os ensinamentos recebidos dos pais e avós e começar a praticar algo completamente diferente. Era uma verdadeira traição!

Na realidade, o que eles não conseguiam enxergar era a ignorância espiritual em que viviam. Mas como fazê-los entender isso?

A religião faz isso com as pessoas, elas ficam escravas de costumes, presas a ensinamentos ancestrais que não têm base bíblica, mas que para elas é tudo. Aquilo fica tão enraizado nela que não se permite avaliar a origem, o fundamento do que aprenderam. É aquilo e ponto final paragrafo! Não há lugar para questionamentos.

Eu ficava só escutando, como adolescente não interferia mas minha mãe se manteve firme em sua escolha. Ela tinha a paciência de explicar segundo a Palavra de Deus, naquilo que era confrontada, ainda que sem êxito. Eles nem se esforçavam para entender, sempre repetiam as mesmas coisas!

Todos ficaram contra ela, como poderia negar tudo que os pais lhe ensinaram, negar a religião da família, abandonar todas as tradições. Isso era um absurdo sem precedentes, pensavam eles.

Por isso que, quem aceita o Senhor Jesus em sua vida com certeza irá ser perseguida e até caluniada pois o mundo não aceita a Verdade, o mundo está preocupado com as aparências, não em conhecer a verdade do Evangelho. Se tão somente eles lessem a Bíblia, pensava eu!!!

Para fortalecerem ainda mais a sua postura, os meus tios fizeram a noticia chegar até o terceiro irmão, um tio meu que mora no Brasil. Esse meu tio ligou para a minha mãe com o intuito de “abrir os olhos dela”. Ele dizia que a igreja no Brasil não era bem vista (na época) e que ela teria que abandonar a Universal com urgência. Eles fizeram de tudo para “guardar” os costumes da família e segundo eles não terem uma irmã herege. Acredito que pensaram “a união faz a força”, se nos unirmos contra ela, então irá desistir dessa ideia.

Claro que isso jamais aconteceu e eles foram os que desistiram de persegui-la. Meu pai também não simpatizava muito com a igreja, mas nunca nos proibiu de frequentar.

Amiga se você está sofrendo perseguição por causa da sua fé, já seja em casa, na escola ou no trabalho, mantenha-se firme com o Senhor Jesus. Não entre em discussão com as pessoas, apenas dê bom testemunho e ore por elas. Seja forte e não permita que as perseguições a separe da presença de Deus.

Alguma de vocês já passou ou está passando por uma perseguição?

No próximo post vou contar o que aconteceu com o Joaquim, nós seguíamos namorando, mas ele ainda não ia na igreja.

Leia aqui os posts anteriores.

Autora do livro "Escolhida para o Altar". Faço a obra de Deus no Altar por 20 anos, espero através do blog ajudá-las, dividindo com vocês experiências e aprendizados.


Comments (7)
  • Avatar

    Vilmara Aug 31 2017 - 11:10 am Reply

    Tá ligado dona tania estou acompanhando sua história deste o início e está sendo muito bom pois aprendendosso nada mas sobre a fé
    Sempre enfrentamos perseguição por causa da nossa fé e algo que o próprio Senhor Jesus falou que iremos passar por causa do seu nome
    O segredo é manter se firme na sua palavra

  • Avatar

    Luana Bernardes Aug 31 2017 - 4:36 pm Reply

    Já sofri perseguição em casa.
    Minha família é toda católica e eu sou a única “crente”
    Depois de ter voltado para o Brasil após a morte da minha mãe, vim morar com meu pai.
    Aqui na cidade onde moro na época não tinha Universal então tinha que ir até a sede que é 1:30 daqui…
    Ele chegou a mi dizer para esquecer a igreja, que nunca mais iria colocar os pés na igreja.
    Mas graça a Deus me mantive firme e forte e com a plena ajuda do Espírito Santo, Ele honrou e abriu a igreja aqui na minha cidade
    Pra quem tá passando por dificuldade, não desistam Ele está te moldando , te fortalecendo pra coisas grandes!

  • Avatar

    Jéssica Moreira Aug 31 2017 - 5:35 pm Reply

    Nossa me identifiquei demais eu passei muito isso é ainda passo mais tente manter os bons olhos e orar por eles mais e uma guerra eles tentam a todo custo me tirar da igreja universal

  • Avatar

    Carolayne Carvalho Sep 12 2017 - 7:57 am Reply

    É verdade D. Tânia eu passei por isso também no começo da minha fé, minha família em peso contra a minha nova ”crença” , fizeram de tudo para que eu saísse da UNIVERSAL, mais eu permaneci firme e forte e hoje eles veem a diferença em mim.Agradeço a Deus e a Universal por ter me feito tão bem e me dado forças para passar por esta perseguição , porque foi através dela que conheci o meu Senhor.

  • Avatar

    Andreia Galde Oct 6 2017 - 12:04 am Reply

    Eu já passei e as vezes ainda hoje passo. Tem sempre alguma pessoa para falar algo desagradável ou se mostrar indiferente a sua fé, mais com o tempo a gente releva e ora por essas pessoas pois não sabem o que dizem, que Deus tenha misericordia e as convertam.

  • Avatar

    Andreia Galde Oct 6 2017 - 12:15 am Reply

    Teve um tempo que meu pai chegou a proibir a gente de ir na igreja mais nisto eu tive que desobedecer ao meu pai, somente nisto. E graças a Deus por isso o que seria de mim hoje sem Deus. Poderia ter apanhado mais falei com Deus, eu sei que essa atitude do meu pai teve interferência do mal e eu não vou aceitar isso, eu não quero apanhar mais se for eu já terei ido. E Deus me guardou pois meu pai nunca mais tocou no assunto e quando ele me viu saindo disse vai aonde, e eu respondi eu vou na igreja e ele aceitou não falou nada e passou a me lembrar para eu ir na igreja e eu falava de Jesus pra ele…

  • Avatar

    Amanda Oct 6 2017 - 11:42 pm Reply

    Olá dn Tania. Me identifiquei muito sobre os familiares da sra,pois minha familia também é completamente catolica e eu sou a unica que estou na fé,para eles eu estou os traindo por tee escolhido outra “religiao” mas estou lutando por eles. Eu queria que a sra abordasse,sobre como a sra conseguiu enfrentar os familiares e a todos,depois de decidir ir para o altar como esposa. Pois iria me ajudar muito. Obrigada desde já.

Leave a reply

Name (required)

Website