Mãe ensine seu filho(a) que esperar é um dom!

Tania Rubim

Mãe ensine seu filho(a) que esperar é um dom!

Olá queridas tudo bem? Meditem no post de hoje e coloquemos em prática pois assim estaremos a evitar desgostos futuros!

Olho á minha volta e vejo tanto egoísmo, tanta impaciência, tanta falta de fé. E me pergunto: por que será que é tão difícil confiar na fidelidade e providência de Deus? Por que algumas mães não conseguem esperar? Será que elas têm medo de depositar toda a confiança nEle? Será que querem agir de alguma forma para que no fim possam dizer “tenho parte nisso”? Enfim. Estamos em uma era onde o imediatismo tem imperado. Queremos tudo para “ontem”. Quantas são as mães que têm contribuido mesmo que de uma forma inconsciente, e muitas de forma consciente, pelo crescimento e desenvolvimento precoce dos seus filhos, contribuindo assim para que não saibam esperar,e ao invés de incentiva-los a eles mesmos conquistarem as suas coisas, e saberem esperar por essas conquistas, que elas têm o seu tempo de espera, não! A mãe ajuda a conquistar mesmo sabendo que não é o tempo de receber. Onde vamos parar com tanta falta de paciência? Algumas pessoas esquecem que a educação existe e são rudes com outras porque simplesmente não querem esperar, querem que tudo aconteça no tempo delas. E sem nos aperceber-mos as nossas crianças estão a crescer com essa mentalidade e isso está a fazer um dano muito grande na nossa sociedade.
Infelizmente, na vida espiritual isso também acontece. Tem gente que esquece que Deus é o dono do tempo e sabe a hora certa de tudo acontecer. Tem gente que deixa a ansiedade tomar conta do seu ser e quer, a todo custo, respostas imediatas para suas questões e orações. E tem gente que bate sempre na tecla do “esperar em Deus”, mas não consegue entender realmente o que é isso.
É fato que a ansiedade faz parte, sim, da vida da maioria dos seres humanos (senão de todos, não é?). E ela, com toda astúcia, consegue manipular e fazer com que algumas pessoas percam o foco de Deus e da fidelidade dEle. Mas é preciso passar por cima do que chamam de “mal do século”, para que o dom de esperar se desenvolva. Até agora, ninguém disse que esperar é fácil. Mas é necessário, para que possamos viver a boa, perfeita e agradável vontade de Deus.
Na Bíblia, lemos sobre a espera de Ana por um milagre. Ela não podia ter filhos, e Penina a provocava por isso. Sempre que orava a Deus era confrontada pela rival. Mas ela não desistiu, “perseverando em orar perante o Senhor” (1 Samuel 1:12). Passado algum tempo, Ana concebeu Samuel.
Podemos ver nessa mulher um exemplo de paciência. Mesmo convivendo com uma rival que a irritava, Ana confiou e esperou em Deus. E Ele a abençoou no tempo certo. Se todas as pessoas, principalmente nós mães tivéssemos esse comportamento de paciência e espera, muitas decepções seriam evitadas.
Quando cremos que Deus está no controle de todas as coisas, nosso papel é orar e confiar que Ele fará tudo no tempo certo. E não ousamos dar um ” jeitinho” a Deus. Pois muita das vezes com esse “jeitinho” colocamos tudo a perder.
Que a nossa oração seja: “Deus, que a minha ansiedade e vontade de querer as coisas do meu jeito e no meu tempo não interfiram na vontade do Senhor pra minha vida. Que eu seja sempre paciente e saiba esperar aquilo que tens preparado pra mim”.
Mãe deixe Deus trabalhar e não poupe os seus filhos desse trabalho, porque lá na frente os resultados serão surpreendentes. Seja aliada com Deus, mas não queira tomar o lugar de Deus.
Ensine os seus filhos que tudo na vida exige sacrifícios, e o tempo de espera para que se obtenha resultados é crucial.Não se deixe influenciar e tão pouco mergulhar na educação á qual vivemos que tudo é normal e tudo é para ontem. Incuta valores nos seus filhos duradouros e não momentâneos.

Passagem bíblica para reflexão:
“Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com ações de graças ( Filipenses 4:6)

Se te ajudou deixa o teu comentário e partilha aqui as tuas experiências.
Pois juntas somos muito mais fortes!

Meu nome é Cátia Rubim estou casada há 19 anos, com um homem temente a Deus e muito meu amigo. Servimos a Deus no atrio como obreiros. Amo as coisas de Deus e elas fazem parte principal do meu cotidiano, sou uma pessoa expontânea e decidida, tenho um filho fruto de um milagre em nossas vidas. Meu testemunho de vida tem edificado muitas pessoas e servido de inspiração para quem está passando por vales por mim conhecidos. Estou aqui para compartilhar isso com todas vocês.


Comments (3)
  • Avatar

    felizarda assumane Nov 12 2015 - 7:07 am Reply

    Deus abençoe a senhora, eu era muito muito ansiosa e preocupada com a minha vida
    sentimental,quando mas me perguntavam você namora?quando vais casar? olha fulana de tal
    já casou e você?, diante de Deus por dentro eu sofria ao ouvir aquilo, e esse sentimento estava ocupar lugar de Deus na minha vida .Um dia através de uma tarefa do godllywood que era para analisar o que me afastava de Deus. pedi direcção a Deus e fui ver que era a ansiedade que eu carregava, naquele dia pedi perdão a DEUS por ter lhe trocado por um simples sentimento inútil , e Deus, Ele e’ misericordioso me perdoou, a partir dali tudo mudou so espero em Deus.

  • Avatar

    Carolina Dec 31 2015 - 12:18 pm Reply

    Deus me levou a pesquisar este site, esse tema é a minha história sou muito ansiosa e espero não passar isto ao meus filhos, e pretendo mudar com seus conselhos, vivo em angola(Luanda).Carolina Quicaia

  • Avatar

    Cristiane May 30 2016 - 5:24 pm Reply

    Hoje o tema do post que mais falou comigo foi este de Paciência. Podemos ver os maus frutos da impaciência por toda a sociedade. Um exemplo é o caos no trânsito. Por qualquer motivo são insultos, brigas e até morte por falta de paciência entre motoristas e também pedestres. Mas também podemos ver maus exemplos da falta de paciência gerando problemas de relacionamento familiar do marido com a mulher, da mulher com o marido, dos pais com os filhos, dos filhos com os pais e etc. Os anseios da impaciência também são obstáculos que atrapalham nossas conquistas. Há momentos que não estamos preparados para ter alguma coisa ou passar por alguma situação e por anseio acabamos atropelando tudo e as consequências não são boas. Pois a ansiedade atrapalha a razão. Devido tudo isso é importante desenvolvermos a paciência desde criança. E eu vou começar a trabalhar isso em mim e em minha família.

Leave a reply

Name (required)

Website