Exemplo de servo – A obra estava acima dEle

Tania Rubim

Exemplo de servo – A obra estava acima dEle

“E os que aquilo tinham visto contaram-lhes o que acontecera ao endemoninhado, e acerca dos porcos. E começaram a rogar-lhe que saísse dos seus termos. E, entrando Ele no barco, rogava-lhe o que fora endemoninhado que o deixasse estar com Ele.

Jesus, porém, não lho permitiu, mas disse-lhe: Vai para tua casa, para os teus, e anuncia-lhes quão grandes coisas o Senhor te fez, e como teve misericórdia de ti. E ele foi, e começou a anunciar em Decápolis quão grandes coisas Jesus lhe fizera; e todos se maravilharam.” Marcos 5:16-20 (se desejar ler toda a historia, leia em sua bíblia desde o versículo 1 até o 20).

O senhor Jesus estava de visita numa cidade, assim que chegou lhe veio ao encontro um endemoninhado. Ele era conhecido por todos por seu estado deplorável, ele vivia no cemitério, se machucava com pedras e muitas vezes era preso com correntes, no entanto ninguém conseguia acalmá-lo.

O Senhor Jesus o libertou e quando este foi visto em perfeito juízo pelas pessoas da cidade, elas se assustaram muitíssimo e não queriam que Jesus permanecesse ali. Assim Ele foi impedido de continuar na cidade, as pessoas estavam com medo dEle, por ter libertado o gadareno dos demônios.

Por outro lado o homem estava tão agradecido que queria seguir Jesus, mas Ele pediu que continuasse na cidade, para que através de sua transformação de vida outras pessoas fossem alcançadas e cressem. E assim sucedeu.

Veja que o Senhor Jesus não pensou em si mesmo, nem em atender o desejo daquele rapaz, mas pensou no povo daquele lugar que poderia ser salvo através do testemunho do homem liberto.

Na obra de Deus a nossa vontade não pode prevalecer, sempre a prioridade deve ser a obra e não os nossos desejos.

A pergunta é:

– Você abriria mão de pessoas que você gosta de ter ao seu lado em função da obra de Deus?

– Quantas vezes você renunciou algo por um bem maior?

– Será que você enxerga a obra de Deus com olhos espirituais ou carnais?

– Você consegue entender os desígnios de Deus para a sua vida e para a Sua obra?

– Você realiza a obra pensando em si mesma ou no Reino de Deus?

De suas respostas depende o seu futuro na obra de Deus. Todos que realizam a obra pensando no próprio umbigo um dia não estarão mais conosco, pois a obra não se trata da nossa própria vida e isso na pratica exige renuncia total das nossas vontades. E renunciar dói, mas nem todos estão dispostos a sentir essa dor.

Medite nas suas intenções em relação à obra de Deus, pois como o próprio nome diz, a obra é dEle e não nossa. Pense nisso!

Autora do livro "Escolhida para o Altar". Faço a obra de Deus no Altar por 20 anos, espero através do blog ajudá-las, dividindo com vocês experiências e aprendizados.


Comments (3)
  • Avatar

    Karine Da Silva Mar 31 2017 - 10:04 am Reply

    Muito forte essa meditação de hoje,temos que ver a nossa intenção na obra de Deus..

    Deus abençoe a sua vida D.Tânia

  • Avatar

    Dany Apr 1 2017 - 6:27 am Reply

    bomdiadona Tania,essas suas sabias meditaçoes me fazem refletir…eu quero fazer parte da obra,penso em entrar em um grupo de evangelizaçao ,falar do senhor Jesus,veio a oportunidade,andei pra tras, ai veio uma nova oportunidade mas ai fiquei confusa em qual grupo ficar,e tambem to sem coragem de sair pra evangelizar, com medo do mundo sabe, da reaçao das pessoas.ai vejo que ta prevalecendo meu eu, e nao possivelmente a vontader de Deus,mas to orando,buscando ouvir a voz dele, pra saber o que ele quer de mim,pra que eu saia dessa confusao interior.

  • Avatar

    tay Apr 4 2017 - 7:43 am Reply

    Me ajudou muito.
    mas como posso mudar minhas intenções??

Leave a reply

Name (required)

Website