Eu não tenho tempo!

Tania Rubim

Eu não tenho tempo!

Olá queridas estou a partilhar com vocês mães, que, como eu, desejam que os seus filhos cumpram os mandamentos de Deus, e isso será o suficiente para que o diabo não toque neles.
Criar filhos nos dias de hoje é uma tarefa bastante árdua, é realmente um desafio.

Parece que os valores já não existem mais. E que o tempo tão precioso dedicado para a nossa família, foi todo consumido não é mesmo?

Vivemos e fazemos tudo a correr, até dá a sensação que estamos no piloto automático, e aí mora o perigo, pois deixamos de apreciar as pequenas coisas, que fazem toda a diferença na vida dos nossos filhos.

E aí entra o mundo virtual e os “amigos” na vida deles, porque deixamos de ter tempo para planejar um tempo precioso e totalmente para eles.

De forma desapercebida e até inconsciente, os valores estão totalmente invertidos, e daí nossas crianças e jovens estão cada vez mais desajustados, com o verdadeiro significado da família, instituída por Deus.

Aí mãe entra o nosso papel fundamental, passar primeiramente valores para eles, e saberem o papel que cada um ocupa nesta sociedade.

Por exemplo tem aquela mãe que de uma forma inconsciente o maior tempo é preenchido com o trabalho e a igreja, deixando de lado as necessidades dos seus filhos, e não me estou a referir a necessidades básicas , porque essas nem deveriam existir, mas nas necessidades afetivas, de criar laços de amor, confiança, intimidade e entrega, claro isso vai exigir muito de nós mães, mas deveria-mos ter pensado nisso antes mesmo de os colocar no mundo não é mesmo? Pois não pediram para vir, por isso é de nossa inteira responsabilidade assumir o compromisso de os amar, eles não pedem muito, só amor e atenção.

Não seja aquela mãe que tem tempo para tudo e para todos, menos para os seus filhos.

Para o patrão, amigos e até mesmo na igreja, nunca diz que não, mas no que se trata a tempo com eles, nunca existe esse tempo. Qual foi a ultima vez que fez um programa com eles, que os fez sentir o quanto são especiais e merecedores do seu tempo?

Invista no seu relacionamento com os  seus filhos, lá na frente verão o quanto valeu a pena!

Sei que nem sempre vamos acertar, mas permanecer no erro vai trazer um futuro comprometedor.

Tornem-se as melhores amigas dos vossos filhos, criando momentos inesquecíveis na vida deles, e desenvolvendo o diálogo que é de suma importância em qualquer relacionamento. Pois se não o fizer o diabo tratará de o fazer.

Muitas mães se angustiam com as decisões dos seus filhos, quando se deveriam angustiar mais com o carácter que imprimiram neles.

Para criar um filho tem que existir da nossa parte muito amor, paciência…

E acima de tudo, temos que orar em todo o tempo e semear a Palavra de Deus, para um futuro glorioso, dando sobretudo um bom exemplo de carácter e de equilíbrio.

E nunca se esqueça, amor não é um sentimento; é uma ação, então vamos colocar em prática essa ação do amor!

Seus filhos vão agradecer, e você lá na frente evitará muitos problemas, o trabalho árduo que terá nesta fase, lá na frente será recompensada.

Deixo-vos a seguinte Palavra:

Isaias 54:13

Deixe aqui o seu comentário, e partilhe o mais possível, vamos alcançar o maior número de mães possível , e ganhar-mos almas!!!

Mães transformadas filhos abençoados!

Para a semana que vem vou começar a partilhar a história da minha irmã mais nova, tenho a certeza que vai ajudar muitas de vocês!!

Com muitas novidades!

Bjs doces

 

 

Meu nome é Cátia Rubim estou casada há 19 anos, com um homem temente a Deus e muito meu amigo. Servimos a Deus no atrio como obreiros. Amo as coisas de Deus e elas fazem parte principal do meu cotidiano, sou uma pessoa expontânea e decidida, tenho um filho fruto de um milagre em nossas vidas. Meu testemunho de vida tem edificado muitas pessoas e servido de inspiração para quem está passando por vales por mim conhecidos. Estou aqui para compartilhar isso com todas vocês.


Comments (8)
  • Avatar

    Sula Laiane Apr 29 2015 - 10:27 am Reply

    Que bacana! Não há maior alegria do que ver crianças desde pequenas já na presença do Senhor, agradando-se Dele. Isso depende do testemunho que as mães os darão. Eles, quando pequenos, não tem consciência de que devem se voltar para Deus, precisam ver algo nos pais para então desejar. Mais do que ser uma mãe biológica, é preciso ser espiritual. Ganhadora das almas dos próprios filhos.

  • Avatar

    Tatiana Apr 29 2015 - 4:17 pm Reply

    Boa noite! Este post veio orientar-me de forma clara e simples como melhorar como mãe e repensar em forma de estarmos mais juntos, muitas vezes não é fácil, a correria do dia a dia, ocupa boa parte do tempo, mais havendo uma programação há sempre jeito. A palavra deixada expressa a sabedoria de Deus para nossas vidas.

  • Avatar

    Cristiane Oliveira Apr 29 2015 - 4:32 pm Reply

    Muito forte essa reflexão e é uma grande realidade. Obrigada

  • Avatar

    Cláudia Matos Ávila May 1 2015 - 6:01 pm Reply

    Aprendemos com a fé que primeiro temos de plantar, para depois colher e isso refere-se também aos nossos filhos. Como queremos ver bons frutos, se não plantamos amor, carinho, atenção?
    Muito importante esta mensagem!

  • Avatar

    daniele May 2 2015 - 7:46 am Reply

    Oi dona Tânia esses post que a senhora vem partilhando esta me ajudando muito toda semana eu leio
    e fico na expectativa para próxima semana.

  • Avatar

    Ana Paula g mota May 2 2015 - 7:53 am Reply

    Ola minha querida sou mãe de duas adolescentes
    E não como mãe não estou sabendo lidar com elas mesmo
    Eu estando na igreja e elas também eu não tenho cosequido
    Ajudar elas não ha diálogo por vafor me ajude obrigada !!!!

  • Avatar

    Renata Godoi Jun 16 2015 - 7:26 am Reply

    Eu aprendi Muito com esse estudo pois eu estava assim nao tendo tempo para minha filha so tenho ela dava prioridade para outras coisas .Mais agora vou por em pratica vou fazer o meu melhor para minha familia .

  • Avatar

    Monica Nov 14 2017 - 7:12 pm Reply

    Boa noite. Este post ajudou-me imenso num conflito interior pelo qual estou a passar neste momento. O meu tempo estava muito focado nas crianças da ebi e o pensamento em desenvolver actividades que cativassem atenção delas para a Palavra de Deus. No entanto, tenho uma filha de 14 meses e pouco brincava com ela. Só provia as suas necessidades básicas e claro dava carinho. Porém, algum tempo passava na igreja e a pensava muito naquelas crianças. Mas Deus mostrou, através de uma tarefa do godlywood, que precisava de passar mais tempo com a minha filha e dizer mais que não ao que me pedem na igreja. Agora sei que estou no caminho certo porque também tenho que me preocupar com a minha filha e não só com as tarefas da igreja. Obrigada. Deus abençoe.

Leave a reply

Name (required)

Website